JANIS nasceu em uma pequena cidade do Texas e desde cedo era considerada pela própria família uma pessoa “dificil” de lidar. Foi uma jovem rejeitada que sofria com o descaso, que hoje chamamos de bullyng,  de seus colegas  em seu meio estudantil   e por isso se portava de maneira  grosseira e rebelde, chegando a entrar em brigas e causando desconforto até mesmo entre os amigos.   Ela não encontrava  espaço entre eles. Era na música que Janis Joplin expressava o seu mundo e os seus sentimentos. Era seu combustível da vida! Ouvindo seu som podemos ver o clamor de uma mulher por um amor.

Acredite, Janis viveu por  27 anos dividida entre ser uma estrela do rock ou se casar e ter  filhos . Ela viveu amores e sempre almejou estar ao lado de quem pudesse amá-la  e compartilhar uma vida ao seu lado. Infelizmente  foi mais uma vítima das drogas, e o que eu tiro dessa história é que mesmo os mais fortes podem fraquejar. A música registra o talento de uma artista que buscava  reconhecimento e um amor verdadeiro. Ela revolucionou o som  dos anos 60 com sua voz e seu coração,  fica claro que sua rebeldia clamava por um grande amor!

Entra em cena, JANIS JOPLIN

“Não se venda: você é tudo o que tem!”

CRY BABY

A vida é muito melhor quando se tem um grande amor!! Fato!

Bjooooo, fuiii!

Sobre o Autor

Dan

Dan

Post Anterior

Escola Pública - Sobreviva!

Próximo Post

Racismo no Brasil

Sem Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *