RESENHA

Uma declaração de Amor

O amor trata-se de uma emoção que leva uma pessoa a desejar o bem estar e plenitude para um outro alguém, é um sentimento valoroso onde se resguarda o bem físico e emocional do ser escolhido. Amor é carinho, é demonstração de afeto e cuidado entre seres que possuem a grandeza de se expor. É sim, é uma tremenda exposição!
A etimologia da palavra amor surgiu no latim, palavra com o mesmo significado que os dias atuais: sentimento de afeição.

O amor que será expresso hoje aqui no blog é o de MÃE.

De uns dias para cá, venho refletindo na minha jornada materna e certamente minha história de vida se aproxima da história de muitas mulheres pelo mundo! Pode ser que

Eu fui mãe aos 19 anos, e tenho que confessar que se não fosse A MINHA MÃE eu provavelmente não teria conseguido sozinha. Nessa fase da vida somos imaturos, almejamos o mundo, queremos viver livremente e explorar tudo. Mas quando é pronunciada a chegada de um bebê, tudo muda, a gente esquece da gente e quer a qualquer custo extrair os super poderes que nunca havíamos precisado.

É incrível a mudança!

Em 1997, esta eu ali, em uma maternidade do bairro da Liberdade me deparando com um bebezinha cabeluda, calminha que acabara de nascer, depois de quatro horas intensas de trabalho de parto! Uiiiiii, como é difícil! Rs
Ali dentro da maternidade mesmo, aquela criança transformou meu ser, mesmo muito assustada com a realidade e abrindo mão dos meus sonhos de estudar e desbravar os caminhos que a vida talvez me proporcionaria, ela me ganhou no primeiro momento. Eu, como se num piscar de olhos cresci e ali dentro daquele hospital pude entender o significado da palavra AMOR. Foi o primeiro momento de todos os meus 19 anos que alguém me ganhou por completo! A sensação é indescritível , é uma explosão de sentimentos e emoções. Eu ganhei ali o melhor presente da Terra e nada e ninguém teria forças para quebrar esse laço de amor. Literalmente o meu PRIMEIRO AMOR!
Doce, paciente, empática, sensível, compreensiva, delicada e ao mesmo tempo muito, muito mas muito forte, essa são as qualidades meu primeiro amor. Rafa, minha amiga de lá pra cá.
Depois de alguns anos, chegou ao mundo, uma figurinha repleta de muitos questionamentos, um serzinho de pensamento crítico e muito determinada.
Ao completar 26 anos, nasce o meu segundo AMOR. Lui Lui, garota que veio ao mundo para me mostrar os valores da individualidade de cada ser, de cada um de nós. Ela me faz ver que é preciso entender que ninguém precisa ser igual e seguir padrões da sociedade, isso só existem na história dos preconceituosos. Uma garota que defende algumas causas, uma ativista mirim talvez! Rs
Isso foi no ano de 2004. Foi um ano muito conturbado dentro da minha família, meu pai foi diagnosticado com câncer e quando a Luluzinha nasceu, minha família, ao lado do meu pai, deu inicio a uma batalha contra a morte. Infelizmente, meu pai nos deixou no ano de 2007 e mesmo depois de 13 anos passados, ele ainda me faz muita falta! Muita mesmo. Ele era o melhor e conseguiu fazer o seu trabalho perfeitamente, AMOR nunca nos faltou!

Como eu disse logo lá no inicio, se não fosse minha mãe, eu teria enfrentado muitos contratempos, mais do que eu enfrento. Ela sempre foi uma mulher muito forte, batalhadora, que nunca deixou os seus filhos na “mão”, sempre presente e jamais nos cobrou por ter doado sua vida por AMOR a nós.
Eu posso dizer que sobre AMOR eu entendo bem, meus pais foram exemplares em nos apresentar os valores de uma família.
SER MÃE é algo sobrenatural, é uma emoção que nasce dentro da nossa essência mas que possui uma dimenção muito além desse espaço corporal que possuímos, é algo grande e maravilhoso, é viver para ver um outro ser radiando de alegria e prazer.
Ser mãe não é uma tarefa fácil, eu ouso dizer que é o trabalho mais arduo e nem sempre reconhecido mas também é recompensador quando você olha para seus filhos e percebe na essência do ser deles que você está fazenod um bom trabalho. É um pedacinho do DNA da gente que sempre vai nos mover, nos transformar, nos ensinar, nos renovar e nos fazer seres mais fortes e amáveis, por que de fato o sentimento mais importante da nossa vida, o AMOR, se faz presente dentro de cada coração de MÃE, que se desdobra por por alguém que não é ela mesma! Só mãe de verdade sabe do que estou falando!
Eu me declaro totalmente APAIXONADA POR VCS, RAFA & LULU.

Sobre o Autor

Dan

Dan

Eu sou a combinação genética de imigrantes portugueses e italianos, nascida aqui, nessa terra brasileira que muito admiro. Meu objetivo é crescer como pessoa, como humano e aprender cada dia mais e mais. A arte de ensinar é minha paixão. Ler e escrever fazem parte do meu ser, meu hobby!

Ao ler me torno participante da história, crio um mundo paralelo e ultrapasso o tempo e o espaço!

Ao escrever, me liberto. Registro um pouco do que sou, das minhas aspirações. Falo sobre aprender mas também tenho bagagem para ensinar. As palavras criam as mais variadas sensações e emoções da vida humana, despertam valores e criam vínculos.

Escreva sua história, seja autor da sua vida, faça o bem e seja grato. Esse é o meu lema!

Dan Massolin

Post Anterior

O mundo sob o olhar das crianças

Próximo Post

Hair love - Amor pelo cabelo

Sem Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *